"Infortúnios genealógicos”

A (re)escrita da áfrica pós-colonial de Achille Mbembe

Autores

  • Michel Syrotinski Binghamton University

Resumo

Em seu último trabalho, Sortir de la grande nuit, o teórico social camaronês Achille Mbembe detalha sua descrição do estatuto ontológico do sujeito africano pós-colonial, que ele teorizou extensivamente em seu texto mais conhecido, On the postcolony, e, ao mesmo tempo, explora os recursos conceituais de inúmeras inovações léxicas de Jean-Luc Nancy. Este texto recente é também um reprise de um ensaio autobiográfico anterior, e o gesto dessa “reinscrição” é fundamental para a nossa compreensão do status de Mbembe como um “pensador pós-colonial” contemporâneo e a maneira como ele se posiciona em relação a certa genealogia intelectual da teoria pós-colonial. Dentro dessa trajetória, argumento que podemos ler, com sucesso, sua relação com três figuras influentes: Jacques Derrida, Jean-Luc Nancy e Ruben Um Nyobè.

Downloads

Publicado

2021-02-26

Edição

Seção

Artigos/Ensaios