Sobre a Revista

Foco e Escopo

A revista Educação Química en Punto de Vista é uma publicação semestral da Rede Latino-Americana de Pesquisa em Educação Química - ReLAPEQ, criada em 2014. Seu título procura abarcar as duas línguas que representam os países latino-americanos, embora aceite também publicações em inglês. A missão da revista é difundir trabalhos relacionados à educação química produzidos no âmbito de diferentes países e contextos educacionais, conferindo um caráter de internacionalização à revista e, ao mesmo tempo, compreendendo diferentes realidades tais como: ensino fundamental, ensino médio, ensino superior, formação de professores, educação em espaços não-formais.

A revista publica preferencialmente trabalhos que se coadunem às linhas de ação estabelecidas para a ReLAPEQ:

1) Formação de Professores e Políticas Educacionais;

2) Alfabetização Científico-Tecnológica e Perspectiva CTS;

3) Tecnologias Educacionais e Materiais Didáticos;

4) Educação Não-Formal e Divulgação Científica;

5) História e Filosofia da Ciência.

No entanto, aceitam-se trabalhos sobre variadas temáticas e quaisquer tendências investigativas, garantindo a pluralidade da Educação Química. Seu público-alvo é basicamente pesquisadores e professores de todos os níveis de ensino. Para isso, a revista se divide em três seções principais: 

  • Pesquisa en Punto de Vista: publica artigos inéditos (relatos de pesquisa empírico ou teórico) que tenham profundidade na fundamentação teórica, problema de pesquisa claramente delineado, coerência metodológica e rigor acadêmico na discussão, que precisa estar cotejada por trabalhos pertinentes na literatura especializada. Limite: 60.000 caracteres com espaços.

 

  • Produtos Educacionais e Intervenções em Sala de Aula: publica artigos originados especialmente de estudos aplicados e que originaram materiais/experiências educacionais exitosas que podem ser replicadas em outros contextos. Deve-se refletir sobre as experiências, apresentando suas potencialidades e limites, bem como apresentar indicadores mensuráveis. É destinada especialmente a professores e egressos de programas de pós-graduação profissionais que queiram compartilhar seus trabalhos em sala de aula. A seção não publica propostas de produto/intervenção sem que tenham sido efetivadas em sala de aula. Limite: 30.000 caracteres com espaços.

 

  • Puntos de vista: Publicação de artigos ou ensaios que compreendam a pluralidade dos temas de interesse da comunidade de educadores químicos (conceitos, história da química, multiculturalismo dentre outros) e que não se encaixem nas demais seções. Deve-se primar pela rigorosidade acadêmica das opiniões. Limite: 40.000 caracteres com espaços.

Processo de Avaliação pelos Pares

Os textos encaminhados à Educação Química en Punto de Vista passarão por uma primeira avaliação realizada pelo corpo de editores no que se refere às normas e escopo. Caso se enquadrem, os trabalhos seguirão para a avaliação de dois membros do conselho editorial ou avaliadores por estes indicados. Preferencialmente os trabalhos serão avaliados por pesquisadores dos distintos países que compõe a ReLAPEQ. Em caso de discordância entre avaliadores um terceiro será consultado. Em todo o processo garantir-se-á o anonimato entre autores e avaliadores. A decisão final sobre o texto será tomada pela editoria com base na avaliação realizada, caso em que os artigos poderão ser: aceitos, aceitos com pequenas alterações, encaminhados novamente à avaliação após reformulação ou não aceitos.

O prazo entre submissão e primeira avaliação deverá preferencialmente não superar 2 meses, sendo a decisão final comunicada em até 12 meses. As datas do recebimento e da aprovação  de cada colaboração serão registradas na publicação.

A composição dos números será definida pela editoria com base na representatividade geográfica dos autores e não necessariamente seguirá a ordem cronológica de submissão.

Periodicidade

A Revista Educação Química En Punto de Vista tem periodicidade semestral e com fluxo contínuo, desde 2017.

Política de Acesso Livre

A Revista Educação Química en Punto de Vista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento. Os artigos estão licenciados quer por uma licença CC BY-NC-SA.

Direitos de Autor e do Acesso Universal

- As licenças usadas pelo periódico estão descritas neste site.
- Todos os artigos em conteúdo completo estão livres de taxas e são disponibilizados em sua totalidade para qualquer leitor sem a necessidade de cadastro ou senha.

Política de Taxas para Processamento de Artigos

Este periódico não requer pagamento para nenhuma das seguintes taxas aos autores:

- Submissão de artigo: Gratuito
- Processamento de artigo: Gratuito

Informamos que NÃO são cobradas taxas de processamento e publicação dos artigos. Logo, a revista não cobra taxas de autores e nem de leitores para os artigos submetidos.

Política Anti-plágio

A Revista Educação Química en Punto de Vista adota o sistema CrossRef para identificação de plágio e também utiliza a ferramenta CopySpider. Desse modo, busca-se verificar a autenticidade do artigo submetido, averiguando se o manuscrito encaminhado para avaliação às cegas é original e inédito e que não tenha sido publicado em outros periódicos em formato impresso ou eletrônico.

Assim, buscando  manter a transparência das informações contidas na pesquisa, solicita-se ao autor, no momento da submissão da versão final do manuscrito, um relatório gerado pelo software de detecção de similaridade (CopySpider).

Para que os autores verifiquem a análise por meio do software é necessário:

Histórico do periódico

Criada em 2014, a Rede Latino-Americana de Pesquisa em Educação Química (ReLAPEQ) surgiu no ensejo de oportunizar um espaço de socialização e reflexão dos ricos trabalhos desenvolvidos na área de Ensino de Química. Para muitos, a ReLAPEQ foi uma manobra ousada e incerta, porém, ganhou materialização graças aos que apostaram nesta proposta (neste sonho). Assim, pequenas ações tornaram possível a primeira rede colaborativa de Educação Química da América Latina! Um ultraje para aqueles que não acreditam que o diálogo e as parcerias ajudam a construir novos cenários sociais e formativos. Afinal, não temos nada a TEMER, pois, até as torres mais altas começaram do chão!

É neste cenário volátil (2017) que compartilhamos a inefável alegria que a ReLAPEQ tem em tornar pública a revista Educação Química en Punto de Vista (EQPV). Fecundada na Colômbia em uma fraterna, prazerosa e idealista “conversa de bar”, a revista foi apresentada para a comunidade durante uma plenária do VII Congreso Internacional sobre Formación de Profesores de Ciencias (2016), em Bogotá.

A missão da EQPV é difundir trabalhos relacionados à educação química produzidos no âmbito de diferentes países e contextos educacionais, conferindo um caráter de internacionalização à revista e, em simultâneo, compreendendo diferentes realidades, tais como: ensino fundamental, ensino médio, ensino superior, formação de professores, educação em espaços não-formais.